Há muitos anos, tapetes mágicos eram apenas artigos de conto infantil. Mas o tempo passou, a decoração avançou, e hoje o tapetinho é artigo notável no visual de qualquer ambiente!

O tapete para sala, em especial, é mágico devido às mil e uma utilidades: esconder pequenas imperfeições do piso, balancear a temperatura, delimitar espaços, aumentar o conforto. Além do mais, o item é decorativamente reponsável por alegrar e personalizar o ambiente mais movimentado da casa.

No entanto, a escolha do tapete não deve ser feita de forma arbitrária: assim como podem encantar um ambiente, a escolha incorreta ou uso inadequado é capaz de criar o efeito contrário. Continue acompanhando e descubra o caminho do sucesso!

Como escolher o tapete certo

Naturalmente, a sala é o coração do lar. Isso deve-se ao fato do local receber maior interação e fluxo de pessoas, reunir a família para passar um tempo junto, abrigar os amigos e as visitas durante um bate papo descontraído… Por essas e outras é muito importante analisar qual sentimento será transmitido e qual o estilo de decoração combina mais com você.

Tapetes com pelos longos transmite uma sensação de aconchego, acolhida. Em compensação, não são aconselháveis para ambientes com um alto fluxo de pessoas pois, além de sofrerem danos naturais diminuindo a sua vida útil, podem provocar acidentes.

Sabia que os tapetes para sala podem, também, colaborar com o sistema de som? Essa é uma particularidade dos felpudos, recomendados para decorar o home theater. Já o tapete sintético possui durabilidade maior, sem perder o seu charme.

Geralmente, o tapete é o toque final da decoração, atuando como espécie de complemento. Dificilmente a decoração da sala tomará por base um modelo de tapete, exceto se esse for muito especial para você.

Hoje em dia, é possível encontrar diversos tamanhos e modelos, cada um com sua particularidade, mas uma dica básica é combinar os tons do tapete e os móveis da sala.

Opções mágicas de tapetes para sala

1. Couro

Conheça 6 opções mágicas de tapetes para sala

Material capaz de aliar o natural ao moderno. Modelos em couro são singulares e creditam seriedade ao ambiente. Podemos encontrar tapetes em couro sintético e em couro natural, destacando-se a possibilidade desse último possuir tons variados em uma única peça.

Opções em couro são ideais para quem busca tapetes para sala rústicos: combina bem com estilo industrial, tijolinhos aparentes e itens com visual amadeirado.

2. Lã
Conheça 6 opções mágicas de tapetes para sala

Temos aqui um modelo que proporciona aconchego e o conforto. Os tapetes de lã são quentinhos, recomendados para deixar o ambiente convidativo e ajudar na aclimatação (boa opção para locais de piso frio).

Contudo, é necessário atenção ao fluxo de pessoas e animais no local, visto que alguns destes fatores podem diminuir a vida útil do tapete. Esse é um modelo que pode acumular poeira, ideal para uma sala mais reservada.

3. Listrado
Conheça 6 opções mágicas de tapetes para sala

As listras, muito trabalhadas no mundo da moda, também possuem o seu valor quando o assunto é o uso de tapetes para sala.

Listra é a estampa indicada para ambientes com tons neutros: se a sua sala tem paredes brancas, esse é o tapete perfeito! O tapete listrado compõe muito bem a decoração, garantindo charme e modernidade. O segredo é replicar a cor das listras nos detalhes decorativos.

4. Belga
Conheça 6 opções mágicas de tapetes para sala

Tapetes para sala podem ser obras de arte? Julgando por esse modelo, bastante similar a um quadro, a resposta é sim. O tapete belga é uma obra-prima que certamente será contemplada pelas visitas.

Esse modelo proporciona modernidade, sofisticação e luxo para o ambiente em que está inserido, mas tenha atenção quanto aos móveis – é preciso saber balancear corretamente a sua decoração para que não fique muito carregada.

5. Geométrico colorido
Conheça 6 opções mágicas de tapetes para sala

Caso você queira transmitir um ar mais alegre e descontraído para a sua sala, esse é o modelo ideal para você. Os elementos geométricos harmonizarão o ambiente com suas linhas simétricas e o colorido incrementará a decoração.

Não se esqueça de complementar a sala com itens decorativos em tons próximos do tapete para dar mais charme à composição.

6. Redondo
Conheça 6 opções mágicas de tapetes para sala

Engana-se quem pensa que os tapetes para sala devem ser sempre retangulares ou quadrados. Os tapetes redondos trazem originalidade e presença para o ambiente.

Para compor melhor a sua decoração, dê preferência por mesas de centro retangulares ou quadradas quando for utilizar um tapete redondo. Assim, você criará um jogo harmônico de formas.

Além do material e da forma, é preciso considerar que o tamanho e a espessura, além das cores e das possíveis combinações que trarão a unidade e harmonização da sala.

Dimensões ideais

O ideal é que todos os móveis fiquem sobre o tapete. Para criar um ambiente mais harmonioso, é aconselhável que o tapete ultrapasse, pelo menos, 10cm os pés dos móveis. Dessa forma, teremos a impressão de continuidade e amplitude.

Se o local dispõe de espaço, procure avançar por completo em todos os pés dos móveis, em especial das poltronas. Assim, você evita aquele balançar dos assentos causado pelo desnível entre o piso e o tapete.

Mas atenção ao tamanho de seu ambiente: caso cubra-o por completo, seu tapete para sala vai se transformar em carpete! Essa forma de uso acaba por ofuscar parte do charme da decoração.

A espessura certa

Segue a palavra para considerar quando escolher a gramatura do tapete: PESSOAS. É isso aí. Hora de pensar na circulação do cômodo: se o local recebe muito movimento, pessoas transitando ou crianças brincando, considere utilizar tapetes para sala com gramatura mais baixa, a fim de evitar desconforto – e até mesmo acidentes – envolvendo os passantes.

No entanto, caso destine o tapete para uma sala na qual as pessoas de fato vão se acomodar e relaxar, pelos longos são a melhor pedida. O toque sedoso e aconchegante possibilita, por exemplo, deitar-se no chão para aproveitar a TV.

Os tapetes, de acordo com sua espessura, são classificados em 4 categorias. São elas:

  • Sem pelos (5mm de espessura): Tem sua estampa construida na própria trama.
  • Pelo médio (10mm de espessura): Modelos mais usualmente encontrados.
  • Pelo alto (25mm a 50mm): Tapetes para sala geralmente elaborados em pele, náilon ou poliéster.
  • Pelo altíssimo (70mm): São os modelos conhecidos como Shaggy. 

Como combinar o tapete

Se, por algum motivo, você achar que os tapetes da sala não estão harmonizados aos detalhes da decoração, a melhor saída e dica é combiná-los com as almofadas. Busque por cores e padrões semelhantes aos do tapete para valorizar e destacar o conjunto como um todo.

É válido sobrepor tapetes de diferentes tamanhos, de forma a criar variações e texturas muito interessantes. Você poderá utilizar tons próximos ou até mesmo brincar com os modelos, combinando cores com formas geométricas, listras, e o que for mais interessante para a sua sala.

Geométricos, redondos, listrados… Cada qual tem seu apelo, mas todos devem trabalhar a harmonia da composição. Por isso, dedique um tempo para escolher corretamente todos os detalhes que vão enriquecer a sua decoração e tenha a certeza que sua sala vai arrancar elogios dos pés à cabeça!  

Gostou das nossas dicas de hoje? Então compartilhe esse post nas redes sociais!