Não resta dúvida: estar antenado com o que acontece na Casa Cor já é rotina para quem trabalha com decoração. Afinal, o evento reúne o que é tendência em design de interiores no Brasil e no mundo, principalmente quando falamos em cores, texturas e composições.

Contudo, para quem não é um profissional do ramo, pode parecer difícil aplicar essas tendências na prática. Mas não se preocupe! Você verá neste post que é só ter um pouquinho de atenção e de criatividade para aplicar as tendências da Casa Cor dentro do seu lar de maneira simples.

Ao longo do texto, vamos explicar como funciona o evento e listar três grandes tendências de decoração para você se inspirar. Assim, vai ser moleza alinhar sua casa com o que está em alta no momento. Fique de olho e capriche!

Casa Cor: o que é

A Casa Cor é uma exposição realizada pelo Grupo Abril e que já está em sua 31ª edição. O evento é referência tanto para profissionais quanto para os amantes do ramo da Arquitetura & Decoração, pois reúne expositores de renome para exemplificar as tendências da área.

Funciona assim: a exposição é dividida em setores, cada um assinado por um profissional da área e seguindo uma temática específica, geralmente definida pelo próprio expositor.

Para você ter uma ideia da dimensão da mostra, a edição 2017 da Casa Cor contou com 71 ambientes. Sendo assim, é possível reunir uma extensa gama de artigos relacionados a revestimentos, mobiliário, peças de décor e tantos outros elementos-chave do design para interiores e áreas externas.

Presente em cerca de 20 estados brasileiros e em algumas franquias em outros países da América do Sul, como Bolívia, Chile, Peru e Equador, a Casa Cor consegue cumprir com maestria o objetivo a que se propôs: reunir em um só espaço o que está na última moda quando o assunto é estética, tecnologia e funcionalidade para o seu lar.

Casa Cor: inspire-se

Agora que você já sabe por que esse evento se tornou uma referência para o design de interiores, vamos a melhor parte: como se inspirar nas tendências do evento? Abaixo, você confere os 3 principais aspectos que foram destaque na última edição da Casa Cor, com dicas práticas para trazer essas composições para dentro do seu lar.  

50 tons de sobriedade

Como o próprio nome diz, não há como falar em Casa Cor sem citar as tinturas e tonalidades que estão em alta no momento. Nos stands da exposição, os tons neutros davam o tom do que é destaque para 2018.

Remetendo ao intelecto e à sobriedade, as várias tonalidades neutras são perfeitas para criar ambientes de atenção difusa e preciosista, sobretudo quando combinadas com materiais de origem natural, como mobiliário em madeira e artigos em pedras ou fibras, como arranjos e tapetes.

Conforme o que foi exposto nos lounges da Casa Cor, a escolha do tom predominante deve servir como ponto de partida para nortear a composição do espaço, ora em peças de revestimento — pintura, azulejos, ladrilhos e porcelanatos — ora em peças do décor, como no mobiliário ou tapeçaria.

Isso significa que, se você escolher um tom sóbrio para pintar as paredes do ambiente, será preciso ponderar a utilização de cores constrastantes nos demais objetos de decoração. Assim, você não corre o risco de alongar e amortizar o espaço com uma programação visual monótona, o que levaria ao cansaço visual.

Outras cores que também foram destaque na mostra são o Ultra-Violet — eleita a cor do ano pelo Instituto Pantone — e o verde, sobretudo em tons mais claros, conforme a tendência das candy colors — ou “cores de doces” —, que são aquelas que remetem a uma pegada mais lúdica e sutil.

Madeira na decoração

Quando falamos em tendências de décor, nada pode soar mais natural e acolhedor do que as composições em madeira. Campeã da versatilidade e do aconchego, a madeira pode ser utilizada tanto para os revestimentos quanto para o mobiliário da sua casa, seja para ambientes de estilo mais rústico ou até mesmo em composições mais modernas.

Se a ideia for apostar em uma composição rústica, use e abuse dos painéis, decks e móveis amadeirados, sem medo de errar. Isso porque, justamente pela versatilidade do material, a madeira vai bem com tudo e nunca sobrecarrega o design, conforme a Casa Cor mostrou em vários de seus stands.

Já se a intenção é utilizar a madeira de forma mais sutil na decoração, que tal investir naquele aparador artesanal para o hall de entrada? Ou em uma mesa imponente para a sala de jantar? Ou até mesmo em pallets amadeirados sobre a bancada do banheiro? Basta pensar nas suas preferências e deixar que a madeira valorize naturalmente a composição.

E nunca é demais lembrar: se você for utilizar a madeira nas áreas úmidas da casa, como banheiro, cozinha ou áreas externas, é imprescindível que o material receba tratamento impermeabilizante para se manter resistente e conservado por muito mais tempo.

Sustentabilidade em alta

Cada vez mais presente no ramo A&D, a sustentabilidade é uma tendência que veio para ficar. Afinal, todos nós sabemos que levar uma rotina mais ecológica é garantia de mais qualidade de vida e preservação das futuras gerações.

Na última edição da Casa Cor, isso não foi diferente. Vários stands exploraram a questão do pensamento sustentável aliado a composições de interiores funcionais e minimalistas, mas sem abrir mão da estética e do requinte da composição.

Quer alguns exemplos práticos? Projetos de iluminação de LED, hortas em apartamentos e jardins verticais tiveram espaço cativo no evento e são alternativas muito funcionais para conseguir aplicar a sustentabilidade no interior da residência.

Isso sem falar que, principalmente para quem mora nos grandes centros urbanos, nada como chegar em casa e se sentir em um verdadeiro oásis, concorda? E é justamente esse efeito que você consegue quando combina a iluminação adequada — natural e artificial — e quando traz o verde para dentro do lar, seja em um quintal mais amplo ou até mesmo com uma hortinha no canto da varanda. Que tal?

Pronto! Com essa leitura, trazer as tendências da Casa Cor para dentro do seu lar ficou muito mais fácil do que você imaginava, não é mesmo? Agora que você já sabe como aplicá-las, confira este post com outras tendências de décor que estão com tudo em 2018!