O ditado não falha: a primeira impressão é a que fica. Se o hall de entrada é o primeiro lugar que avistamos ao entrar em casa, ele jamais deve ser subestimado, certo?

Mesmo se o ambiente for pequeno, uma decoração de hall de entrada bem-feita pode trazer muito mais aconchego, conforto e estilo para a residência. A cor e a iluminação, por exemplo, são só dois aspectos que podem transformar o décor de qualquer hall.

Espelhos bem posicionados, peças decorativas e móveis funcionais dão praticidade e bom gosto a esse cantinho da casa. Quer saber como você pode incrementar o seu hall? Então acompanhe este post e confira sete ideias inspiradoras para uma entrada triunfal!

1. Utilize espelhos de forma estratégica

Todo mundo sabe que os espelhos são os grandes coringas da amplitude e da leveza em qualquer ambiente, certo? No entanto, o uso desses itens deve ser ponderado  caso contrário, eles poderão causar o efeito oposto.

Assim, um hall de entrada pequeno pode parecer maior com a instalação de espelhos desde que o tamanho da peça seja proporcional ao recinto e que o item não dispute espaço com os demais objetos decorativos.

Uma bancada ou parede com muitas informações, por exemplo, pode carregar o ambiente e causar a sensação de que o local é ainda menor. Por outro lado, com um décor mais clean aliado ao uso estratégico dos espelhos, é possível ganhar uma extensão visual incrível!

Para que você tenha uma ideia mais prática sobre como utilizá-los, considere o seguinte: aqueles retilíneos e instalados do chão ao teto  ou de uma parede a outra  favorecem a sensação de continuidade. Os irregulares ou distribuídos em sequência ajudam a criar uma atmosfera mais arrojada e original.

2. Combine cores contrastantes

Apostar no contraste é sempre uma garantia de sofisticação e requinte. No entanto, a escolha das cores deverá respeitar a proporção do espaço. Ambientes menores parecem mais amplos com uma cor clara sobressaindo sobre uma cor pontual de aspecto frio, como tons esverdeados e azulados.

Já o contraste do branco com cores mais quentes  como amarelos, alaranjados ou avermelhados  cai melhor em um hall de dimensões maiores. Se você quiser investir no suprassumo do contraste, o clássico preto e branco é a melhor opção. Caso o local seja pequeno, a cor clara deve sobressair.

3. Aposte em aparadores e baús

Aparadores e baús, além de serem móveis muito funcionais, também são ótimos aliados na decoração de hall de entrada. Sabe aquela peça restaurada que você tem receio de colocar no meio da sala porque o fluxo é maior e ela se desgastará mais facilmente?

Pois então, o hall é o local perfeito para esse tipo de peça. Os aparadores servem para você deixar sempre à mão as chaves e a papelada que chega pelo correio. Nos baús você pode guardar alguma coleção ou outro objeto de estima que queira manter sempre por perto.

Que tal? Apenas tome cuidado para que esses móveis não sejam grandes demais a ponto de comprometer a circulação no ambiente.

4. Instale um cabideiro

Além do clássico porta guarda-chuvas e da sapateira, o cabideiro é outra opção que já virou tendência para decorar hall de entrada. Afinal, nada mais apropriado do que aliar design e funcionalidade nesse cantinho da casa, não é mesmo?

Com um belo cabideiro posicionado estrategicamente no hall, nem os moradores da casa nem as visitas ousarão espalhar a bagunça pelos outros cômodos da residência. Ou seja, você põe fim à bagunça logo na entrada, já que os casacos, bolsas e lenços terão agora um lugar só para eles.

5. Invista em arranjos chamativos

Alguns arranjos de flores ou plantas são tão belos que parecem verdadeiras obras de arte. É por isso que eles se tornaram mais um must have na decoração de hall de entrada. Sem falar que receber as visitas com flores torna tudo mais alegre e convidativo!

Entretanto, antes de escolher os arranjos, avalie cuidadosamente o espaço que você tem disponível e onde pretende colocar a peça: sobre o aparador, sobre outro móvel ou diretamente sobre o chão.

Caso opte por esta última alternativa, a altura do vaso escolhido para comportar o arranjo deve ser compatível com a altura dos móveis, realçando a peça e uniformizando o design.

6. Faça uma entrada temática

Por mais que nem sempre notemos, todo projeto de design de interiores segue uma temática específica. Assim, por que não estender esse tema também para o hall de entrada?

Dessa maneira você favorece ainda mais a unidade visual do seu projeto. Basta pensar no estilo de décor predominante na residência e escolher algum aspecto mais característico dessa temática para explorar no hall.

Em um décor rústico, por exemplo, aparadores de madeira são sempre uma boa pedida. Para moradores mais clássicos e minimalistas, espelhos retos e móveis claros caem muito bem. Os mais arrojados podem apostar em cores vibrantes ou obras de arte moderna  e por aí vai!

7. Capriche na iluminação

De nada adianta se inspirar nas ideias anteriores se um requisito básico não for cumprido: o cuidado com a iluminação. Qualquer que seja o estilo de decoração do seu hall de entrada, as luzes certas são as grandes responsáveis por dar aquele toque final na composição.

A dica básica, nesse caso, é priorizar a luminosidade natural sempre que possível. Complementando a iluminação, as luminárias interiores devem ser utilizadas estrategicamente para dar mais conforto visual e também para valorizar a decoração do hall de entrada.

Luminárias de piso ficam ótimas em um hall de pé-direito mais alto, ao passo que spots de luz indireta são perfeitos para realçar uma obra de arte, um arranjo ou qualquer outra peça decorativa que você queira priorizar no corredor.

Agora você está pronto para fazer a decoração de hall de entrada! Com tantas ideias inspiradoras, o potencial desse cômodo nunca mais será subestimado!

E você? Tem mais ideias interessantes para colocar em prática no hall de entrada? Deixe um comentário aqui com as suas sugestões!