Se as obras na sua casa terminaram, está na hora de fazer a limpeza pós-obra e deixar tudo pronto para, enfim, inaugurar esse novo espaço. No entanto, a limpeza deve ser feita com critério.

O motivo disso é que uma limpeza que utiliza produtos errados pode comprometer o piso e móveis, por exemplo. Além disso, pode ser extremamente danoso para a saúde. Quer saber mais? Confira neste texto algumas informações essenciais para realizar limpeza pós-obra de maneira correta!

Os cuidados para não danificar o imóvel

Já imaginou você acabar de fazer a reforma e usar um produto de limpeza que danifica o seu piso? Bom, parece que você criou um problema e vai ter que, novamente, solicitar uma pequena manutenção em seu piso.

Para evitar este tipo de situação, tenha cuidado com os produtos de limpeza. Aqueles que forem usados sem adequação ao material em que que está sendo aplicado podem corroer e manchar o piso escolhido. Por exemplo, para porcelanatos e cerâmicas é indicado que se compre um produto de limpeza voltado para isso.

O cuidado deve ser redobrado também com a limpeza de ceras e respingos de tintas. Esses devem ser limpados com produtos com fórmulas específicas, mas que preferencialmente sejam à base de água.

Para vidros, recomenda-se o uso de limpa-vidros de boa qualidade, especiais para o pós-obra. Esses rendem mais do que os limpadores convencionais usados no dia a dia.

Os cuidados com produtos químicos

Como vimos, a limpeza pós-obra exige produtos químicos, e esses podem ser extremamente prejudiciais, em caso de contato direto com a pele ou vias respiratórias.

É possível, para se ter uma ideia, ter queimaduras e desenvolver doenças respiratórias graves se entrar em contato com as substâncias químicas sem proteção. O correto é fazer uso de luvas e máscaras e ler as instruções do produto de limpeza.

A melhor maneira de fazer a limpeza pós-reforma

Para que a limpeza seja bem-feita é importante entender o que vai ser necessário ser limpo e quais as necessidades de cada cômodo. Para isso, conheça o local e saiba quais produtos serão necessários para limpar a sujeira de cada ambiente.

Definido isso, comece agora a recolher todo o lixo e organize tudo. Retire o que puder ser removido, tal como caixas e material de obra que restou. Depois disso, faça a varrição. Nesta etapa é importante iniciar a limpeza a partir da área mais afastada do local. E em seguida, vir varrendo até a entrada do cômodo.

Em caso de limpeza das paredes ou superfícies verticais, comece limpando de cima para baixo. Então, limpe primeiro o teto, somente depois deste você vai partir para as paredes deixando o chão para o fim.

É importante perceber que o uso de materiais de boa qualidade para a limpeza pós-obra é essencial. Afinal, alguns produtos podem aumentar a capacidade de limpeza em relação a outros.

Se você gostou das dicas e precisa adquirir produtos de qualidade, entre em contato com a Cristiano Casa e Construção e solicite seu orçamento!