Quando você começa a planejar a decoração de um quarto, fica evidente que uma peça tem o lugar de destaque no ambiente: a cama! Afinal, ela é o item mais utilizado e também um dos que mais interferem no seu bem-estar.

Os modelos disponíveis no mercado são inúmeros, e é muito frequente surgir a dúvida na hora de escolher o seu: compro uma cama box ou uma comum? Tudo vai depender das suas necessidades, do espaço e do orçamento disponível.

Para que você consiga fazer a melhor escolha, preparamos esse post com algumas dicas do que você deve analisar antes de escolher o seu modelo. Siga a leitura e aproveite!

Quais as diferenças entre cama box e comum?

Para começar, é preciso entender as principais diferenças entre os dois tipos de cama. Apesar de cumprirem a mesma função, alguns detalhes destacam cada modelo.

Estrutura

A cama box é formada, normalmente, por uma base e um colchão. A exceção são os modelos conjugados, que trazem uma única peça. Dependendo do tamanho escolhido, essa estrutura pode ser dividida.

Camas king size, por exemplo, costumam ter a base separada em duas partes para aumentar a resistência e facilitar o transporte. Seus pés são normalmente fixados de maneira simples, com roscas.

Já a cama comum traz uma estrutura com estrado, pés e cabeceira unidos, onde é colocado o colchão. A montagem deste modelo exige um pouco mais de habilidade e pode ser necessário contar com mais de uma pessoa na tarefa.

É possível encontrar, nos dois tipos de cama, opções com baú ou gavetas na base. Eles são especialmente úteis para quartos pequenos, com pouco espaço para guardar objetos.

Materiais e acabamentos

A base da cama box pode ser revestida de tecido, no mesmo estilo do colchão, ou de materiais como camurça e corino. As cores e texturas também variam bastante, de acordo com o fabricante.

Entretanto, essa estrutura quase não aparece depois da colocação de lençóis e colchas. O detalhe fica por conta da cabeceira, que deve ser adquirida separadamente, caso seja do seu desejo. Afinal, nada te impede de usar uma cama box sem outro tipo de acabamento.

Já a cama comum tem toda a estrutura pronta e pode ser encontrada em metal ou madeira — esse último sendo o material mais frequente. As cores e acabamentos variam de acordo com o fabricante, assim como o estilo do móvel.

Como escolher o melhor modelo?

Para que você escolha o melhor tipo de cama, é preciso tomar alguns cuidados com relação ao seu quarto:

Analise o espaço disponível

A cama box costuma ocupar menos espaço, já que a sua estrutura completa é exatamente do tamanho do colchão. Caso você opte por não usar cabeceira, ela fica realmente compacta. Já o modelo comum traz, necessariamente, uma área maior.

Essa diferença geralmente é pequena, mas, em ambientes realmente reduzidos, qualquer centímetro conta!

Acompanhe o seu estilo de decoração

A cama box é naturalmente mais neutra. Em tons sóbrios, ela quase não impacta na decoração — a não ser que você opte por uma cabeceira, é claro.

Nesse caso, é preciso garantir que o modelo escolhido combine com detalhes como as cores do quarto e o tipo do piso. Esse cuidado é ainda mais importante quando se trata de uma cama comum. Como ela aparece mais na decoração, vale a pena tomar cuidado extra com o estilo de construção do móvel para que não destoe do ambiente.

Respeite o seu orçamento

O custo de uma cama box ou comum varia muito. Os dois modelos apresentam grandes diferenças, dependendo da marca, da resistência do colchão e dos materiais escolhidos para o acabamento. Por isso, é essencial fazer uma pesquisa detalhada e considerar todos os fatores envolvidos antes de tomar uma decisão.

Agora que você sabe o que a cama box e a comum podem oferecer, aproveite e compartilhe esse post nas redes sociais para ajudar seus amigos que estão nesse dilema!